Abraçando as Americas
Abraçando as Américas
Gold Wing - Brasil

 Home | Livro de Visitas | Calendário | Classificados | Mapa do Site | 15 visitantes on-line 



Antônio Cesar
Antonio CÉSAR

 Ver Viagem no Google
 :: VEJA ONDE ESTAMOS - SPOT - ORIENTAÇÃO
 :: Acompanhe nossas viagens pelo Google

 Principal
 :: Página inicial
 :: Histórico
 :: Links interessantes

 Viagens
 :: USHUAIA - JAN 2015
 :: 1º Encontro Grupo GoldWing-Br
 :: 35º WINGDING - GREENVILLE/ SC /EUA 2013
 :: VIAGEM A S. PEDRO DE ATACAMA 2013
 :: VISITANDO O ALASCA
 :: TRIP EUROPA 2012
 :: TRIP EUROPA 2011
 :: Viagem Arg/Uruguai 2010
 :: Punta Del Este 2009
 :: 1o. Encontro GoldWing - Guarujá/SP
 :: Porto Murtinho - 2009
 :: 1o. Encontro Paraguai / 2009
 :: Mendoza 2009
 :: 1a. Reunião GW Campos do Jordão 2008
 :: Campos do Jordão 2008
 :: Porto Murtinho - 2008
 :: Mendoza 2008
 :: Cusco - Peru - (Machu Picchu) 2007
 :: Mendoza 2007
 :: Viagem a Brasília 2006
 :: Punta del Este 2006
 :: Gramado 2005
 :: Punta del Este 2005
 :: Canadá - 2005

 Passeios
 :: Visita do DIOMAR
 :: APARECIDA - Maio 2013
 :: PASSEIO URAÍ/Pr - 2011
 :: Visita Flávio e amigos
 :: Aparecida e Campos do Jordão 2010
 :: Passeio a URAÍ - Pr
 :: VIIº Encontro PHD 2009
 :: Passeio Valentim Gentil
 :: NATAL Alles Blau Blumenau
 :: EVANGELISTA nos States
 :: VIº ENCONTRO PHD 2008
 :: Festa Junina Blumenau - 2008
 :: Semana da Pátria 2007
 :: 2º MotoMP 2007
 :: Gramado - 2007
 :: 1º MotoMP - 2006

 Login
   
    
 Lembrar de mim
Esqueceu sua senha?

   Um cumprimento já basta

Existem umas palavrinhas que devemos ter na ponta da língua para todas as ocasiões: bom dia, boa tarde, boa noite, por favor, obrigado, com licença, desculpe.

São palavras mágicas em qualquer momento ou ocasião, além de mostrar que somos educados.

Certamente você deve estar se perguntando qual a razão de eu estar falando isso, não é verdade? Pois bem, explico.

Semana passada arrumei as malas e na sexta-feira (30/11/2009) peguei a estrada rumo ao Guarujá-SP, para participar do 1o. Encontro de Gold Wing.
Ao longo de toda a estrada cruzei seguramente com mais de 300 motociclistas que se dirigiam em sentido contrário ao meu, ao que soube, para participar de um encontro em Florianópolis/SC.
A medida que nos cruzavamos, eu procurava cumprimentá-los com um tradicional aceno ou simplesmente levantado a mão esquerda.
Minha surpresa foi que quase na totalidade, não houve reciprocidade de tratamento.
É compreensível que nem sempre é possível faze-lo devido a necessidade de se estar atento a estrada ou não poder soltar uma das mãos do guidão.
Mas percebo que a cada dia que passa as pessoas estão mais individualistas. Não importa qual a moto que estamos pilotando, pois na verdade, todos estamos sobre 2 rodas.
Houve um tempo em que saudar uma pessoa ao longo de uma estrada, especialmente de moto, era uma grande satisfação e a reciprocidade e o sentimento eram mútuos.
Atualmente acho que estamos nos perdendo nesse isolamento individualista. Alguns estão esquecendo que devemos ser solidarios uns com os outros, pois somente assim estaremos nos protegendo.
Não sabemos quando ou em que ocasião poderemos estar necessitando do auxilio de outro motociclista. Não me refiro a infortunios, mas a uma informação mais precisa, uma orientação qualquer, etc...
Aquele motociclista com quem cruzamos na estrada e que deixamos de cumprimentar, poderá ser a pessoa a quem iremos nos dirigir para solicitar o auxílio.
Uma das coisas que chama nossa atenção quando viajamos pela América Latina, é que a grande maioria dos motoristas de caminhão nos cumprimentam, nos acenam, como se sinalizando que se precisarmos de algo, eles estão dispostos a nos ajudar.
Ademais, o que custa ou quanto custa, um cumprimento, um simples levantar de braço?
Isso é nada mais, nada menos, do que educação. O exercício, a distância, de uma fraternidade.
Dia destes fiquei supreso quando parei em um semáforo e um motociclista com uma moto de baixa potência, do nada, levantou o capacete até a altura dos olhos, me fez algumas perguntas sobre a moto e ao final agradeceu e me desejou "boa viagem".
Provavelmente tinha percebido que eu estava saindo para viajar. Senti no jovem motociclistas um sentimento de igualdade, não obstante as diferenças entre nossas motos.
Da mesma forma, percebi sua alegria e felicidade por eu ter lhe dado atenção.
Fez um sinal de "positivo", levantou a mão, acelerou e foi embora.
De minha parte, me fez bem. Me senti bem.
Portanto meus amigos, vamos voltar a exercitar o cumprimento, pois independentemente de quaquer coisa, todos somos.....motociclistas.

Um abraço,
César




 
moto  (Right)

 Variedades
 :: VAI AO URUGUAI, ARGENTINA, CHILE E OUTROS PAÍSES?
 :: TANQUE DE EXPANSÃO FUROU...
 :: VIAGEM E ADUANA - O que devo saber...
 :: GASOLINA - Saiba mais sobre...
 :: CAPACETE - Dispensa do selo
 :: GoPro - Tudo sobre...
 :: GPS - Tudo sobre...
 :: ALUGUE UMA MOTO
 :: CAPA DE CHUVA
 :: RETIRANDO o pneu traseiro
 :: FAROL QUEIMOU?
 :: PNEU FUROU? E agora?
 :: SHIMMY no guidão
 :: Sinalizando uma manobra
 :: Um cumprimento já basta
 :: Modelos & Ano da GW
 :: QUE TV EU COMPRO?
 :: FRASES DE PARA-CHOQUE
 :: REDUZINDO FOTOS
 :: SOLUPAN x MOTO = BOMBA
 :: Pastilhas de freio
 :: PNEU, veja só...
 :: Cuidados ao RETIRAR a BATERIA
 :: ENTENDA nossas RODOVIAS
 :: ONDE comprar Acessórios
 :: Proteção de Carter é uma necessidade
 :: Cuidados no Exterior
 :: Cuidados com as borrachas
 :: Limpando o pára-brisas
 :: DVDs de Viagens
 :: Calcule a distância
 :: Mapas diversos
 :: Hoteis e Restaurantes
 :: Oração do Motociclista
 :: Carta do teu velho
 :: Prece do Motociclista
 :: Dicas de viagem

 Home | Livro de Visitas | Calendário | Classificados | Mapa do Site | 15 visitantes on-line 

Abraçando as Américas - Todos os direitos reservados 2008

Enviar e-mail para cesar@abracandoasamericas.com.br para perguntas ou comentários sobre o site.